MISSÕES

Veja os piores países para os cristãos. Cristãos perseguidos, e se fosse você?

MISSÕES MISSÕES

E-BOOK - PR. MÁRCIO VALADÃO

Leia gratuitamente os livros do pastor Márcio Valadão. CLIQUE AQUI!

E-BOOK - PR. MÁRCIO VALADÃO E-BOOK - PR. MÁRCIO VALADÃO

PAPÉIS DE PAREDE

Baixe papéis de parede personalizados e deixe seu computador a sua cara. CLIQUE AQUI!

PAPÉIS DE PAREDE PAPÉIS DE PAREDE

FOTOS PROFÉTICAS

Uma galeria com fotos exclusicas, você tem que conferir. CLIQUE AQUI!

FOTOS PROFÉTICAS FOTOS PROFÉTICAS

TV GERAÇÃO PROFÉTICA

Os melhores vídeos você só encontra aqui. CLIQUE AQUI!

TV GERAÇÃO PROFÉTICA TV GERAÇÃO PROFÉTICA

A HISTÓRIA DE ESTER

Acompanhe aqui a minissérie de maior sucesso na tv brasileira. CLIQUE AQUI!

A HISTÓRIA DE ESTER A HISTÓRIA DE ESTER

CAMPANHA DA BANDEIRA

CLIQUE AQUI para saber mais

CAMPANHA DA BANDEIRA CAMPANHA DA BANDEIRA

ESPAÇO INFANTIL

Um mundo de emoções e aventura espera por você. CLIQUE AQUI!

ESPAÇO INFANTIL ESPAÇO INFANTIL

MINISTRAÇÕES BÍBLICAS

A cada semana DEUS tem uma mensagem exclusiva para VOCÊ. CLIQUE AQUI!

MINISTRAÇÕES BÍBLICAS MINISTRAÇÕES BÍBLICAS

SEÇÃO DOWNLOAD

Criado exclusivamente para você. CLIQUE AQUI e veja!

SEÇÃO DOWNLOAD SEÇÃO DOWNLOAD
-

quarta-feira, 28 de abril de 2010

CIDADÃOS COM INFORMAÇÕES PRIVILEGIADAS

Cidadãos têm acesso a informações além do controle do governo
COREIA DO NORTE (1º)
- Enquanto refugiados da Coreia do Norte e ativistas de ONGs se reúnem em Seoul, Coreia do Sul, esta semana para discutir sobre as violações de direitos humanos cometidas pelo país, há sinais de que os cidadãos norte-coreanos têm tido mais acesso à verdade do que se imaginava.

Uma pesquisa recente feita pelo instituto Peterson observou que cerca de 60% dos norte-coreanos têm acesso à informações além daquelas fornecidas pelo governo.

“Os norte-coreanos estão descobrindo que a miséria deles é um resultado direto do regime de Kim Jong-Il, e não da Coreia do Sul e da América como eles nasceram acreditando”, afirma Kim Seung Min, da Rádio Free North Korea (liberte a Coreia do Norte). A estação de rádio é parceira da Coalizão pela liberdade da Coreia do Norte (NKFC), que está realizando uma semana de conferências em Seoul pela primeira vez em sete anos de evento.

“Conseguimos dobrar o número de ouvintes da rádio, e notamos um aumento significativo no número de pessoas que têm acesso à informação”, disse a vice-diretora da NKFC, Suzanne Scholte. Ela descreveu o fluxo de informação como “furos de alfinete no enorme véu norte-coreano. Agora, esses furinhos estão se transformando em enormes buracos”.

A estação de rádio agora distribui informações para outras rádios do país, e vai ao ar cinco horas por dia, passando informações dadas pelos refugiados e mercadores que cruzam regularmente a fronteira para comprar mercadorias chinesas.

Nos últimos anos, o governo foi forçado a permitir uma economia de mercado limitada, mas o comércio trouxe consigo tecnologias ilegais, como vídeos-cassete, televisores, rádios e telefones que podem receber sinais de além da fronteira. Antes, todos os televisores a rádios disponíveis só detectavam sinais oficiais.

“O governo não conseguiu reprimir o mercado, então, contra a vontade, eles permitiram que o comércio continuasse. Isso significa que os norte-coreanos não estão se baseando apenas no regime.”

A liberdade religiosa praticamente não existe na Coreia do Norte. A única crença aceita é a Ideia Juche (ou marxismo-leninismo-kimilsonguismo ou kimilsonguismo) uma ideologia que reforça a adoração aos líderes do país.

“O regime é uma perversão do cristianismo. Juche tem uma trindade, assim como o cristianismo, com o pai Kim Il-Sung, o filho Kim Jong-Il, e o espírito de Juche, que supostamente dá força para o povo.”

A Coreia do Norte ocupa a 1ª posição da Classificação de países por perseguição pelo oitavo ano consecutivo. Para saber sobre a igreja no país, clique aqui.
 
Tradução: Missão Portas Abertas 

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails

VÍDEO DA SEMANA