MISSÕES

Veja os piores países para os cristãos. Cristãos perseguidos, e se fosse você?

MISSÕES MISSÕES

E-BOOK - PR. MÁRCIO VALADÃO

Leia gratuitamente os livros do pastor Márcio Valadão. CLIQUE AQUI!

E-BOOK - PR. MÁRCIO VALADÃO E-BOOK - PR. MÁRCIO VALADÃO

PAPÉIS DE PAREDE

Baixe papéis de parede personalizados e deixe seu computador a sua cara. CLIQUE AQUI!

PAPÉIS DE PAREDE PAPÉIS DE PAREDE

FOTOS PROFÉTICAS

Uma galeria com fotos exclusicas, você tem que conferir. CLIQUE AQUI!

FOTOS PROFÉTICAS FOTOS PROFÉTICAS

TV GERAÇÃO PROFÉTICA

Os melhores vídeos você só encontra aqui. CLIQUE AQUI!

TV GERAÇÃO PROFÉTICA TV GERAÇÃO PROFÉTICA

A HISTÓRIA DE ESTER

Acompanhe aqui a minissérie de maior sucesso na tv brasileira. CLIQUE AQUI!

A HISTÓRIA DE ESTER A HISTÓRIA DE ESTER

CAMPANHA DA BANDEIRA

CLIQUE AQUI para saber mais

CAMPANHA DA BANDEIRA CAMPANHA DA BANDEIRA

ESPAÇO INFANTIL

Um mundo de emoções e aventura espera por você. CLIQUE AQUI!

ESPAÇO INFANTIL ESPAÇO INFANTIL

MINISTRAÇÕES BÍBLICAS

A cada semana DEUS tem uma mensagem exclusiva para VOCÊ. CLIQUE AQUI!

MINISTRAÇÕES BÍBLICAS MINISTRAÇÕES BÍBLICAS

SEÇÃO DOWNLOAD

Criado exclusivamente para você. CLIQUE AQUI e veja!

SEÇÃO DOWNLOAD SEÇÃO DOWNLOAD
-

quarta-feira, 26 de maio de 2010

TROPA DE LOUVOR

Tropa de Louvor: banda formada por membros do Bope

O Bope – Batalhão de Operações Especiais – ficou conhecido em todo o Brasil e fora dele através do filme “Tropa de Elite”, inspirado no livro “Elite da Tropa”. Contudo, poucos sabem que alguns membros do Bope formam o “Caveiras de Cristo”, grupo de policiais evangélicos. O grupo conta com uma banda, a Tropa de Louvor.

Os integrantes usam uma camiseta preta, com uma frase em latim estampada nas costas que diz “Se queres a paz, prepara-te para guerra”. Cultos com toques de show são ministrados nas comunidades após sua pacificação.

Em um sábado à tarde, o morro do Borel teve seu culto-show. Aproximadamente 200 pessoas viram Carlos Mello, sargento do Bope e pastor da Assembleia de Deus, iniciar com a frase “Deus está neste lugar”. O sargento mantém a farda característica do Bope, mas ao invés de uma arma, ele impunha uma Bíblia. A mensagem de paz é clara pelas palavras seguintes – “Estamos aqui trazendo a palavra do Senhor”.

Homens cantando, orando é comum em uma igreja. O público ali assistia estes homens vestidos de preto e com armas na cintura, de início, tímidos. Aos poucos, as pessoas começam a acostumar-se e a quadra da Escola de Samba Unidos da Tijuca torna-se um templo.

“É a primeira vez que os vejo. Estou realmente surpresa. Desmistifica aquela imagem do Bope nos lugares com o Caveirão e para matar”, falou uma moradora da comunidade, Andréia Cristiane de Albuquerque, 34 anos, auxiliar de creche.

O culto envolve muita interação dos moradores. Cura, libertação, anúncio de lançamento de CD, funk-gospel e, como não poderia faltar, testemunhos.

Apesar de o sargento do Bope Max Coelho afirmar que não sabem como convidar a comunidade, a favela do Borel foi a quarta em que o grupo organiza um culto, mas obteve aproximadamente 200 participantes. No Pavão-Pavãozinhos, a primeira em que o grupo realizou culto, 20 pessoas apareceram. No segundo culto, 30 moradores da Ladeira dos Tabajaras compareceram. O morro da providência, na Gamboa, o terceiro em que os Caveiras de Cristo realizaram um culto, somente 10 pessoas compareceram.

Um diferencial dos cultos organizados pelo Bope está na integração entre pastores e padres, que de mãos dadas oram. “Isso aqui traz esperança”, diz o padre da Paróquia São Camilo, na Tijuca, José Patrício de Souza, 63 anos. O bispo Antonio Ferreira, 75 anos, da igreja Evangélica Pentecostal Salvação por Cristo, disse: “Estamos aqui para unir pessoas”. Segundo ele, o culto não é para falar de religião.

Fonte: Anastácio
Via: O Verbo

0 comentários:

Related Posts with Thumbnails

VÍDEO DA SEMANA